Menu

Assine nossa newsletter

Folha de S.Paulo

Encontro reflete sobre rumos de teatro e dança

24.3.2008  |  por Valmir Santos

São Paulo, segunda-feira, 24 de março de 2008

TEATRO 
Evento reúne profissionais do Brasil e do exterior 

VALMIR SANTOS
Da Reportagem Local

Pela primeira vez, o Encontro Nacional das Artes Cênicas (Ecum), de Belo Horizonte, estende sua programação a São Paulo. O evento bienal chega à primeira década, na sexta edição, expondo questões significativas do teatro e da dança contemporâneos.

Durante seis dias, de hoje a sábado, criadores e pesquisadores do Brasil e do exterior realizam um fórum, no teatro Cosipa, na zona sul, e dão cursos na oficina cultural Amácio Mazzaropi, no Brás, zona leste. 

As atividades tratam do tema “Cena emergente: diálogos com o futuro”. “O eixo é uma espécie de síntese, de cartografia dos movimentos recentes no campo da criação cênica no país e em várias partes do mundo”, afirma o diretor-artístico do Ecum, Fernando Mencarelli, 45. 

Ele e o coordenador-geral, Guilherme Marques, estão entre os idealizadores do projeto, que nasceu em 1998. Inexistiam cursos de pós-graduação em artes cênicas na capital mineira. O encontro conseguiu se firmar conjugando formação, reflexão e capacitação (não há propriamente apresentação de espetáculos, mas demonstração de processo ou aula-espetáculo). 

A edição especial de dez anos traz artistas como a dançarina e coreógrafa suíço-japonesa Heidi Durning, a performer franco-haitiana Maud Robart e o dramaturgo e diretor francês Jean-François Dusigne, além de pensadores como a canadense Josette Feral, que investiga “a “performatividade” e os efeitos de presença nas artes do espetáculo”, a francesa Béatrice Picon-Vallin, especializada na relação da cena com as imagens, e, por videoconferência, o estudioso americano Richard Schechner, nome-chave na teoria da performance. 

Desde a terceira edição, sua curadoria se dá em rede, com colaboradores em outros Estados ou países. Fazem parte do time as pesquisadoras Christine Greiner (PUC-SP) e Sílvia Fernandes, o ator Carlos Simioni (grupo Lume) e os diretores Ana Teixeira (cia. Amok), Maria Thais (cia. Balagan e USP) e Antônio Araújo (Teatro da Vertigem e USP).



Encontro Mundial das Artes Cênicas
Onde: teatro Cosipa Cultura (av. do Café, 277, tel. 0/xx/11/5070-7014) e oficina cultural Amácio Mazzaropi (av. Rangel Pestana, 2.401, tel. 0/xx/11/ 6292-7071); mais informações pelo tel. 0/xx/11/2129-7824 e no site
www.ecum.com.br
Quanto: R$ 50 (fórum), R$ 100 (oficina) e R$ 120 (ambos)

Valmir Santos

Quer receber mais artigos como este? Então deixe seu e-mail:

Relacionados