Menu

Publicações com a tag:

“Criaturas Alaranjadas Núcleo de Criação Continuada"

Assine nossa newsletter

Publicações com a tag:

“Criaturas Alaranjadas Núcleo de Criação Continuada"

Encontro com o Espectador

Dentre as linhas de força cênica e reflexiva do espetáculo L, o musical, duas são aprofundadas: o amor entre mulheres e o gênero teatro musical. O autor, diretor e jornalista Sérgio Maggio, a atriz, poetisa, cantora e jornalista Elisa Lucinda e a atriz Luiza Guimarães conversaram com o jornalista e crítico Kil Abreu, o público e parte da equipe de criação presente na plateia despertada para as inquietudes desse trabalho do Criaturas Alaranjadas Núcleo de Criação Continuada (DF). Leia mais

Crítica

O público desce a escada do Teatro Pequeno Ato, antigo Ivo 60, na região central de São Paulo, e Andrei (Jones de Abreu) recebe as pessoas como se fossem seus convidados. Nessa cena inicial da peça Eros impuro, de Sérgio Maggio, ele é um artista plástico esperando um garoto de programa que será modelo para sua pintura. No caso, a própria plateia faz as vezes de objeto a ser retratado. Esse procedimento lembra outros, de artistas que colocaram o espectador como parte da obra. É o caso do espanhol Diego Velázquez com o quadros Las meninas (1656),  do holandês Rembrant com O sindicato dos alfaiates (1662) ou do francês Claude Manet em Um bar no folies-Bergère (1882). Leia mais