Menu

Publicações com a tag:

“Daniel Farias”

Crítica

Foto: Priscila Bellotti

A cidade em primeira pessoa

02 de agosto 2016 |
por Beth Néspoli • São Paulo

Quando o hibridismo de linguagens já se naturaliza na cena contemporânea, chama atenção na peça Hotel Jasmim, de Claudia Barral, o forte enquadramento nas convenções do drama realista. Em especial por ter sido um dos textos selecionados por meio de edital público e premiado com publicação em livro e montagem apresentada na II Mostra Dramaturgia em Pequenos Formatos Cênicos, projeto de fomento e difusão teatral do Centro Cultural São Paulo. Leia mais

Crítica

Foto: Guilherme Bonfanti

O rumor das línguas do medo

01 de junho 2014 |
por Beth Néspoli • São Paulo

Ao contrário da expectativa provocada pelo título, Dizer o que você não pensa em línguas que você não fala, a abordagem crítica proposta pela encenação ultrapassa a questão do idioma. Se em cena diferentes línguas realmente se fazem ouvir – francês, inglês, flamengo, português e suaíli (falado por povos da costa leste africana) –, o que está em jogo de fato são os discursos historicamente construídos. Desde os ideológicos aos religiosos, passando pelos amorosos. Os territórios culturais instáveis que propiciam o surgimento de vozes, seu emudecimento ou ampliação estão no cerne da obra multissensorial e deambulatória – marca de identidade da linguagem do Teatro da Vertigem e cujo ponto de partida temático é a crise financeira europeia e sua interferência no modo como a vida das pessoas se organiza. Leia mais

Reportagem

Foto: Mattieu Bordon

Vertigem encena sobre e sob tensão europeia

27 de maio 2014 |
por Beth Néspoli • São Paulo

São cerca de 15h aqui em Bruxelas, cinco à frente do horário de Brasília. Na sala central do prédio da Bolsa de Valores o diretor Antônio Araújo e o ator Roberto Audio conversam sobre o espetáculo Dire ce qu’on ne pense pas dans des langues qu’on ne parle pas (Dizer o que você não pensa em línguas que você não fala), criação do Teatro da Vertigem que estreia logo mais, às 20h15 daqui (15h15 aí), tendo os espaços internos e externos desse edifício como palco. Leia mais

Desenvolvido por: Reppublica