Menu

Folha de S.Paulo

Monólogo na Casa das Rosas revê Wittgenstein

15.4.2007  |  por Valmir Santos

São Paulo, domingo, 15 de abril de 2007

TEATRO 

Espetáculo apresenta a vida do filósofo austríaco
 

VALMIR SANTOS
Da Reportagem Local 

Um das obras de referência da filosofia no século passado, “Tractatus Lógico-Philosophicus”, do pensador austríaco Ludwig Wittgenstein (1889-1951), chega ao teatro na forma de um monólogo. “Wittgenstein – Um Novo Olhar” estreou na semana passada e fica em cartaz até junho. 

O espetáculo é interpretado por Jairo Arco e Flexa, jornalista com formação em filosofia. Foi ele quem encomendou a adaptação da obra a Contador Borges, poeta e tradutor. A direção é de Roberto Rosa (Cia. Fábrica São Paulo). 

Wittgenstein revolucionou as noções da linguagem e da teoria do conhecimento com o seu tratado. “A peça começa como se fosse uma palestra, mas, aos poucos, evolui para uma narrativa de momentos da vida dele, no passado e no presente”, diz Arco e Flexa. 

A encenação acontece nas escadarias de mármore do saguão da Casa das Rosas. Na concepção dos artistas envolvidos, é como se o protagonista e o público fossem transportados para a imponente e luxuosa mansão da família Wittgenstein, onde o filósofo passou a infância e parte da juventude.



Wittgenstein – Um novo olhar
Onde: Casa das Rosas (av. Paulista, 37, Cerqueira César, tel. 3285-6986) 
Quando: sex. e sáb., às 22h30; dom., às 20h30. Até 10/6 
Quanto: R$ 25
 

Jornalista e crítico fundador do site Teatrojornal – Leituras de Cena, que edita desde 2010. Escreveu em publicações como Folha de S.Paulo, Valor Econômico, Bravo! e O Diário, de Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo. Autor de livros ou capítulos, além de colaborador em curadorias ou consultorias para mostras, festivais ou enciclopédias. Cursa doutorado em artes cênicas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, onde fez mestrado na mesma área.

Relacionados