Menu

Prefácio

Poros em pensamentos [org. Margarida Gandara Rauen, Margie]

15.3.2010  |  por Valmir Santos

Para o livro  “A interatividade, o controle da cena e o público como agente compositor”, organizado em 2009 pela pesquisadora Margarida Gandara Rauen (Margie), um lançamento da Editora da Universidade Federal da Bahia (Edufba). A professora da Unicentro, no Paraná, contou com a colaboração de colegas da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Artes Cênicas (Abrace). Os nove capítulos abrangem a estética relacional ou tratam da participação do público em performances e outros tipos de eventos cênicos em galerias e espaços urbanos. Os co-autores são os artistas pesquisadores Ciane Fernandes e Wagner Lacerda, Cristiane Bouger, Henrique Saidel, Ismael Scheffler, Lígia Losada Tourinho, Luana Raiter e Pedro Diniz Bennaton (Erro Grupo), Margie Rauen, Maria Beatriz de Medeiros, Stela Regina Fischer e Manuela Afonso (Opovoempe). O livro inclui ainda textos dos pesquisadores Christine Greiner (PUC-SP) e Stephan Baumgärtel (Udesc).

Para ler  o texto completo, faça dowload do arquivo abaixo.

Jornalista e crítico fundador do site Teatrojornal – Leituras de Cena, que edita desde 2010. Escreveu em publicações como Folha de S.Paulo, Valor Econômico, Bravo! e O Diário, de Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo. Autor de livros ou capítulos, além de colaborador em curadorias ou consultorias para mostras, festivais ou enciclopédias. Cursa doutorado em artes cênicas pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, onde fez mestrado na mesma área.

Relacionados