Menu

Publicações com a tag:

“Sergio Módena"

Assine nossa newsletter

Publicações com a tag:

“Sergio Módena"

Reportagem

Um festival para celebrar Shakespeare. No ano em que o maior autor teatral da história completa 450 anos de nascimento, o Festival de Curitiba reservou parte considerável de sua programação para homenageá-lo. O mais esperado título de 2014, The rape of Lucrece, é uma criação da prestigiosa Royal Shakespeare Company. Inspirado em um poema do escritor inglês, trata-se, segundo seus criadores, de uma “terrível fábula sobre a luxúria, o estupro e a política”. Leia mais

Nota

Conselho de classe e Elis, a musical lideram as indicações à 26ª edição do Prêmio Shell no Rio de Janeiro – ambos aparecem destacados em três categorias cada –, agendada para a noite desta terça-feira, no Espaço Tom Jobim, Jardim Botânico. Recentemente consagrado na primeira edição do Prêmio Cesgranrio, Conselho… é um dos espetáculos comemorativos dos 25 anos da Cia. dos Atores. Leia mais

Reportagem

O Festival de Teatro deste ano será um prato cheio para amantes de Shakespeare, no ano em que se comemora 450 anos do nascimento do bardo inglês. E apesar de duas montagens internacionais trazerem encenações bastante peculiares para Otelo e A violação de Lucrécia, o fato de haver duas propostas nacionais e bastante diferentes entre si para Ricardo III é que faz levantar as sobrancelhas dos mais aficionados. Leia mais

The rape of Lucrece, Royal Shakespeare Company

Reportagem

O crescimento da participação internacional e a intenção de homenagear os 450 anos de nascimento de William Shakespeare devem marcar a programação do próximo Festival de Curitiba, que ocorre de 26 de março a 4 de abril. Leia mais

Reportagem

Onde está a verdadeira mentira: na representação dos atores ou nos jogos de retórica dos políticos? Em A arte da comédia, que aporta amanhã no Sesc Santana após cumprir quase um ano de temporada no Rio, o diretor Sergio Módena vale-se da obra do autor italiano Eduardo de Filippo (1900-1984) para discutir a natureza da arte teatral. Mas não só. Os costumes hipócritas da sociedade e as artimanhas do jogo de poder entre os governantes também são postos sob escrutínio na criação. Leia mais