Menu

Publicações com a tag:

“Robert Lepage"

Assine nossa newsletter

Publicações com a tag:

“Robert Lepage"

Reportagem

Assim como em 2013, o Porto Alegre em Cena realiza, de 4 a 22 de setembro, uma edição reduzida. A organização obteve aprovação para captar R$ 3,94 milhões, entre as leis de incentivo federal e estadual, mas o orçamento ficou em R$ 2,51 milhões – menor do que no ano passado (R$ 3,03 milhões) e pouco mais do que a metade de 2012 (R$ 4,53 milhões). O problema atribuído, em 2013, à canalização de recursos para a Copa do Mundo se mostrou, agora, também devido a uma “crise global”, segundo o coordenador geral Luciano Alabarse. Leia mais

Nota

O recente espetáculo de Robert Lepage, Playing cards, deverá ser visto no Brasil em outubro. Spades, que é a primeira parte de uma tetralogia baseada em cartas de baralho, merecerá montagem no Sesc Santo Amaro.

Um espaço da unidade deve ser adaptado para abrigar a produção, que não cabe em uma sala convencional de teatro. Lepage usa um palco giratório e apresenta a obra em 360º. Alçapões e plataformas também compõem a cenografia.

Quando estiver concluída, a tetralogia poderá ser assistida em conjunto e deve durar cerca de 12 horas. A primeira parte tem 3 horas de duração.

As peças se inspiram no mundo do jogo de cartas, assumindo suas regras, seus signos e sua mitologia.

Spades, que cumpriu temporada recentemente na Roundhouse, de Londres, trata de histórias entrelaçadas que acontecem em duas cidades desérticas: Las Vegas e Bagdá.

Em 2014, o festival Porto Alegre em Cena também tem planos de trazer um espetáculo de Lepage ao Brasil. Deve ser a versão diretor canadense para Hamlet.

Além de diretor teatral, Lepage é ator, roteirista e cineasta. Entre suas criações mais conhecidas estão Sete afluentes do rio Ota (montada em São Paulo sob condução de Monique Gardenberg) e Elsinore.

Entrevista

O coordenador do Porto Alegre Em Cena, Luciano Alabarse, adianta, com exclusividade, que planeja trazer em 2014 uma versão de Hamlet dirigida pelo canadense Robert Lepage, um dos mestres do teatro contemporâneo. Lepage esteve na programação do festival em 1998, com Needles and opium. Também está nos planos uma encenação alemã de Édipo. Leia mais