Menu

Autoria

Jornalista e crítica teatral, atuou como repórter e crítica de teatro do Caderno 2, do jornal O Estado de S.Paulo, com experiência na cobertura de festivais no Brasil e no exterior. Também escreveu na Folha de S.Paulo entre 2007 e 2010. Foi curadora de programas como o Circuito Cultural Paulista e membro do júri de prêmios como Prêmio Bravo! de Cultura, APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) e Prêmio Governador do Estado de S.Paulo.

Crítica

Foto: Marcelo Almeida

‘projeto brasil’: onde começa o futuro?

13 de julho 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

A contemporaneidade (ou os fenômenos que assim convencionamos chamar): é sobre esse universo nebuloso que se detém majoritariamente a companhia brasileira de teatro. Incertezas, incongruências e perguntas que não chegaram sequer a ser formuladas servem de alimento ao grupo de Curitiba desde 2000. Leia mais

Crítica

Foto: Mayra Azzi/MITsp

Crise não abala força da MITsp

16 de março 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

A 3.ª edição seria para a MITsp – Mostra Internacional de Teatro de São Paulo o momento da maturidade. Passados os tropeços de organização em seu primeiro ano, o festival se aprimorou em 2015. Trouxe uma programação mais consistente, cresceu em público, firmou-se no calendário cultural da cidade. Este estava destinado a ser, portanto, o ano para que o projeto de Antônio Araújo e Guilherme Marques alcançasse tudo aquilo que ambicionara Leia mais

Crítica

Foto: Mayra Azzi/MITsp

O mais belo acerto de contas

12 de março 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

Qualquer apreciação crítica escrita no calor do momento, sem o devido tempo de maturação, e confinada ao espaço de uma página não conseguirá dar conta da profusão de signos e discursos que Krzysztof Warlikowski põe em marcha no seu (A)Polônia. Resta o consolo de que um pouco mais de tempo – ou de espaço – faria pouca diferença nessa complicada equação. Leia mais

Crítica

Foto: Ivson Miranda/Itaú Cultural

De terra e ar

11 de março 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

Toda linguagem nasce de um esforço, por natureza, inútil. É por saber-se incompleto que o homem deseja. A falta nos move, nos empurra para além do silêncio e da imobilidade. Qualquer palavra, não importa quão bem escolhida, será incapaz de dizer completamente dessa falha. É essa lacuna que nos obriga a seguir. A dizer mais. A tentar dizer melhor. A formular novos textos, novos arranjos, outros argumentos. E a voltar, seguidamente, de mãos vazias.

Espetáculo do artista congolês Faustin Linyekula, A carga (Le cargo), vem mover-se ao redor dessa ausência primordial. Leia mais

Crítica

Foto: Renato Mangolin

Memórias de Adriano

12 de fevereiro 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

Sinal dos tempos de crise ou mera coincidência, fato é que os monólogos vicejam nesse início de temporada em São Paulo. Denise Weinberg está com o seu Testamento de Maria; Thiago Fragoso encena As benevolentes; Luciano Chirolli se lança a Memórias de Adriano, adaptação do aclamado romance de Marguerite Yourcenar.  Leia mais

Crítica

Foto: João Caldas Fº

A subversão em Maria: dizer é desobedecer

01 de fevereiro 2016 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

Uma mulher e tudo o que ela não disse ao longo da vida. Em O testamento de Maria, em cartaz no Sesc Pinheiros, Denise Weinberg assume o icônico papel de mãe de Jesus Cristo e o ímpeto de revelar verdades submersas. Leia mais

Crítica

Foto: Frederico Chigança e equipe

Os discursos do corpo

19 de dezembro 2015 |
por Maria Eugênia de Menezes • São Paulo

Fiel aos preceitos da performance, o La Pocha Nostra preocupa-se, essencialmente, com a criação de imagens em Spiritus mundi vs aztec ouroborus. Leia mais

Desenvolvido por: Reppublica