Menu

Publicações com a tag:

“Beth Néspoli"

Assine nossa newsletter

Publicações com a tag:

“Beth Néspoli"

Encontro com Espectadores

Livre inspiração para o teatro do livro homônimo do filósofo francês Didier Eribon, o solo De volta a Reims foi objeto de debate da 29ª edição do Encontro com Espectadores, no dia 26 de maio de 2019, ação do site Teatrojornal. O ator Pedro Vieira e o dramaturgo Reni Adriano falaram sobre os caminhos percorridos desde o momento em que uma adaptação francesa desse ensaio autobiográfico foi vista no Festival de Avignon, passando pela conquista da liberação dos direitos após a resistência do autor com a versão brasileira, até a temporada em São Paulo. No fim do ano, em novembro, o solo ainda participaria da programação do Festival Nacional de Teatro de Presidente Prudente (Fentepp).

Leia mais

Crítica

Arte em tempos de cólera

23.11.2019  |  por Beth Néspoli

“O que a poeta valorizava sobremaneira era a vida comum, na qual sempre encontrava motivo para assombro”, escreve Regina Przybycien no prefácio do livro Amor sem fim que reúne poemas da polonesa Wislawa Szymborska (1923-2012). O comentário dá uma pista sobre o que motiva a escolha de alguns dos versos dessa escritora, premiada com o Nobel de Literatura em 1996, para integrar a dramaturgia do solo Eu de você, da atriz Denise Fraga, dirigido por Luiz Villaça. A coleta de histórias reais a partir de uma convocação em diferentes mídias está na gênese desse espetáculo no qual elas surgem fragmentadas, editadas e entrelaçadas a poesias, trechos de romances e canções.

Leia mais

Crítica

Árido e real é o território em que o dramaturgo pernambucano Newton Moreno colheu os fios com os quais tramou as asas das mulheres rebeladas na fábula As cangaceiras, guerreiras do sertão, dirigida por Sergio Módena. Nesse musical que subverte o papel do feminino no cangaço, o rigor da pesquisa documental constrói uma plataforma segura para que a ficção voe alto sem descuidar do arsenal pesado de contradições sociais e humanas envolvido no fenômeno do surgimento de agrupamentos nômades de sertanejos armados, em parte da região Nordeste do país, em fins do século XIX e início do XX.

Leia mais

Encontro com Espectadores

O momento político brasileiro sob governo de cunho militar e leniente com torturadores esteve subjacente o tempo todo no espetáculo Villa. A peça que Guillermo Calderón escreveu em 2011 discute a memória da ditadura chilena. A montagem brasileira estreou em São Paulo a três dias das eleições do ano passado, no Sesc Pinheiros. O diretor Diego Moschkovich e a atriz Rita Pisano, idealizadora do projeto, participaram da reflexão sobre a obra na 26ª edição do Encontro com Espectadores, em 25 de novembro, na sala Vermelha do Itaú Cultural.

Leia mais

Crítica

Em estado de recusa

17.3.2019  |  por Beth Néspoli

Tudo mal havia começado quando um aventureiro chamado Diego Cao, o português, descobriu o estuário do rio Congo em 1482. Depois, no dia 26 de setembro do ano seguinte, ou seja, em 1885, uns gângsteres decidiram em Berlim que o Congo seria uma colônia francesa. E isso explica porque uma semana depois, 1960, nos emprestaram a independência em troca de um neocolonialismo negro no comando do país. Putos. Dois dias depois, em 1969, convidamos o marxismo e o leninismo pensando que iriam agradar, mas os europeus vieram em seus cavalos de conquistadores para acabar com a cultura do atraso, de golpes de estado e de tribalismos, e implantar a democracia de uma vez por todas.

Em tradução livre, o texto acima, com seus vertiginosos saltos temporais, é parte da dramaturgia de O alicerce das vertigens, do congolês Dieudonné Niangouna Leia mais

Resenha

Tchékhov rastreado

12.3.2019  |  por Beth Néspoli

Toda obra de arte é uma virtualidade que só se concretiza no encontro com seu público, afirmam os teóricos da recepção. Seu valor é fruto de uma espécie de negociação envolvendo a matéria moldada pelo autor e o chamado horizonte de expectativa, conceito definido como a soma de experiências e conhecimentos éticos e estéticos acumulados em determinado tempo histórico que, atuando sobre as subjetividades, são investidos na interação com a arte. Leia mais

Encontro com Espectadores

Cumprindo a quarta temporada na cidade de São Paulo, agora na Oficina Cultural Oswald de Andrade, com sessões gratuitas até 12 de fevereiro, o espetáculo Hotel Mariana foi objeto de reflexão conjunta de seus criadores, críticos e público durante a 25ª edição do Encontro com o Espectador, ocorrida no Itaú Cultural em 27 de outubro passado.

O idealizador, pesquisador e coautor Munir Pedrosa e o diretor e coautor Herbert Bianchi, ambos também atores e cofundadores da Cia. da Palavra, conversaram com o jornalista e crítico Valmir Santos Leia mais