Menu

Publicações com a tag:

“Mapa Teatro"

Assine nossa newsletter

Publicações com a tag:

“Mapa Teatro"

Reportagem

Para além da pandemia, conjecturou a atriz e dramaturga, existe uma situação extremamente instável na maneira como os artistas sobrevivem ao longo da história do Brasil. Grace Passô falou durante a mesa virtual que abordou as “Novas teatralidades e estratégias para a existência do teatro”. Afinal, a quem as artes vivas se destinam e quem detém os meios para fazê-las, seguiu problematizando. Ato contínuo, lançou a pergunta-ensaio que pode ser considerada determinante para um balanço do que foi dito e pensado durante o Seminário CPT 2020, realizado nas manhãs dos três primeiros dias de setembro, no marco das atividades de relançamento do Centro de Pesquisa Teatral do Sesc SP. Grace indagou: “Os legados são delegados a quem?”.

Leia mais

Crítica

Santos – Antes da leitura crítica acerca do espetáculo La despedida (A despedida), um episódio testemunhado em Bogotá, cidade do grupo Mapa Teatro.

Meados de março de 2010, entrada do Teatro Fanny Mikey, em Bogotá. O público é revistado à porta por um militar fardado e armado. Os espectadores estão ali para assistir ao diretor estadunidense Bob Wilson atuando em A última gravação de Krapp. Leia mais

Crítica

O vínculo intrínseco do teatro com o presente não se manifesta apenas na escolha dos temas a serem levados ao palco. O apego dessa arte ao seu tempo transcende os embates políticos e sociais do momento e comumente faz-se evidente também na forma – se é que ainda faz sentido a dicotomia entre conteúdo e invólucro. Em sua ânsia por conectar-se à sua época – período de inimigos difusos e certezas implodidas – o teatro contemporâneo empreende imenso esforço em desapegar-se dos paradigmas do drama realista – corrente hegemônica dos últimos dois séculos. Leia mais

Reportagem

Nas ruas de Bogotá, ouve-se falar em uma primavera teatral. Durante o Festival Iberomaericano de Teatro, que acontece até o dia 20 e é o maior do continente, o termo é constantemente convocado por curadores e artistas para explicar a atual pujança da safra local. Uma produção que não cessa de agregar novos dramaturgos e diretores. Quase todos interessados em se deter sobre o complexo quadro social e político do País. Leia mais

Crítica

Em sua formulação documentária da cena, na década de 1960, o alemão Peter Weiss (1916-1982) evitava “qualquer invenção” ao se debruçar os fatos. Era compreensível pensar assim em tempos de abates vietnamitas e americanos. O autodenominado laboratório de artistas Mapa Teatro jamais conseguiria tocar a história colombiana recente sem lançar mão da inventividade. Prova disso é a explosiva abordagem da falida guerra às drogas em Discurso de un hombre decente (2012), tão cara, política e financeiramente, a Bogotá e Washington. Leia mais

Reportagem

Um festival para São José do Rio Preto. Em sua 13.ª edição, o evento do oeste paulista permanece como o maior e mais importante do gênero no Estado. Mas, assim como já havia demonstrado em anos anteriores, traz poucas novidades para quem não mora na cidade. Não há estreias nacionais. E considerável parcela da programação já foi vista tanto em capitais, como Rio e São Paulo, quanto em outros festivais. Leia mais